Seguidores

sexta-feira, 8 de maio de 2009

PARTE UM BARCO


PARTE UM BARCO


Parte um barco.
Um lenço acena
um rosto chora.
No porto
partem saudades e um beijo atirado
vagueia no espaço.
O barco afasta-se
torna-se cada vez mais pequeno.
O lenço pára.
A mão deixa de mover.
Eternamente no vácuo…
… O beijo continua!…

Deolinda de Almeida
1973

Sem comentários:

Enviar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...